23 de outubro de 2019

O FURTADOR DE CORAÇÕES



Texto:

E desta maneira fazia Absalão a todo o Israel que vinha ao rei para juízo; assim furtava Absalão o coração dos homens de Israel. 2 Samuel 15:6

Se você nunca leu o capitulo quinze de segundo Samuel, eu te convido a ler. Sem estudar a fundo o perfil de Absalão, com certeza você o descreverá com características maravilhosas. Alguns olharão para os cinco primeiros versículos e o descreverá, como:

Disposto – “se levantou pela manhã”. v.2
Prestativo – “e parava a uma banda do caminho da porta. E sucedia que todo homem que tinha alguma demanda para vir ao rei em juízo, o chamava” v.2a

Comunicativo – “o chamava Absalão a si e lhe dizia: De que cidades es tu?” v.2b  

Carismático – “Olha, os teus negócios são bons e retos”. V.3a

Preocupado com o próximo – “Ah! Quem me dera ser juiz na terra, para que viesse a mim todo o home que tivesse demanda ou questão” v.4

Justo – “para que lhe fizesse justiça” v.4b

Educado – “Sucedia também que, quando alguém se chegava a ele para se inclinar diante dele, ele estendia a mão, e pegava dele, e o beijava”. V.5

O adágio popular, “Quem não te conhece que te compre”, se aplica muito bem a esses versículos. Porem quem leu a história de Absalão sabe muito bem seus interesses e motivações. 
Na verdade os cinco primeiro versículos do capitulo descreve o perfil de um psicopata, veja:

Calculista – Ele se levanta cedo para poder executar o seu plano de assassinar a reputação do rei e ocupar o posto.

Sorrateiro – Ele parava na porta do palácio com o objetivo de abordar todos que fossem a presença do rei.

Manipulador – Ele ouvia as demandas alheias e dizia que poderia resolver mas não podia por ser não ser o rei.

Mentiroso – Ele mente quando ele se prontifica a ajudar como se estivesse preocupado mesmo com a pessoa. Sabemos sua real intenção de usar as pessoas e não de ajuda-las.

O versículo seis descreve exatamente quem é ele: “UM FURTADOR DE CORAÇÕES”. A diferença de ROUBO E FURTO está no modus operandi. Roubo é fazer pelo meio da força ou agressão física. Furto é fazer sem uso da força ou agressão, é praticamente um roubo invisível. Furtar é roubar sem ninguém ver.

O que tem de FURTADORES DE CORAÇÕES no meio do povo de Deus. Escondidos no meio do povo. Parecem os melhores homens, com as melhores intenções, mas na verdade só estão usando pessoas para conquistarem o que querem.

Que Deus tenha misericórdia da sua igreja!

Pr. Alexandre Pitante.

Nenhum comentário:

Postar um comentário